sábado, dezembro 24, 2005

16ª Jornada

Antes do Natal e já quase a terminar a primeira volta, decorreu a meio da semana a 16ª jornada da Liga Betandwin, mais uma vez, sem alteração à Colossificação, mas com os erros do costume.


Sporting -3 Rio Ave -0 (António Costa)

Um jogo sem grandes dificuldades para o Sporting, nem para a arbitragem. Liedson inaugura o marcador aos 32 minutos após marcação de livre de João Alves, que escorrega no momento do centro. Liedson antecipa-se à defesa e ao guarda-redes, desviando a bola para as malhas da baliza de Mora.
10 minutos depois, practicamente no mesmo sítio, Tonel amplia o marcador ao desviar um centro de Tello na marcação de um canto.
Entretanto aos 40 minutos, Danielson deveria ter visto o cartão vermelho por entrada viril sobre João Moutinho. Apesar de tocar ainda na bola, Danielson atinge depois Moutinho com os pitões, colocando em perigo a integridade física do jogador. Erro contra o Sporting.
Na segunda parte, Liedson estabelece o resultado final após boa desmarcação de Nani. Perante o guarda-redes Mora, Liedson remata com a ponta da chuteira para dentro da baliza vilacondense.
1 erro grosseiro contra o Sporting, passando o Factor de Colo para 11/12, sem alteração da Colossificação.




V. Setúbal -0 Benfica -1 (Carlos Xistra)

Num jogo sem problemas para a arbitragem, o único golo do jogo foi marcado por Nuno Gomes já perto do minuto 90, após boa assistência de Geovanni. O avançado benfiquista é feliz no remate, que sai enrolado ao segundo poste, sem hipóteses para Moretto. Dúvidas no domínio de bola de Nuno Gomes, mas as imagens demonstram que apesar do movimento do braço, é com o peito que a bola é dominada.
Outro lance que gerou protestos foi um possível golo anulado a Miccoli, mas apesar de o fora de jogo ser mal assinalado, o árbitro apita muito antes de Miccoli rematar, pelo que o erro não entra para estas contas.
Jogo sem erros grosseiros, pelo que não há alteração no Factor de Colo nem na Colossificação.


V. Guimarães -0 F.C.Porto -2 (Paulo Baptista)

No último jogo antes do Natal, Quaresma ofereceu um presente aos amantes do futebol ao apontar mais um excelente golo. Aos 20 minutos, de fora da área, descaído para o lado esquerdo, remata cruzado levando a bola a bater ainda na barra, sem hipóteses para Nilson.
3 minutos depois fica uma grande penalidade por assinalar a favor do V. Guimarães por falta de César Peixoto sobre Benachour dentro da área. Erro a favor do Porto. No início da segunda parte, nova grande penalidade por assinalar, desta vez contra o vitória, por agarrão de Flávio Meireles a Diego. Aos 58 minutos, Jorginho acaba com o jogo ao apontar o segundo para os portistas, depois de falhar escandalosamente um golo certo no minuto anterior.
Nos minutos finais, fica um vermelho por mostrar a Saganowski por entrada dura com os pitões sobre Pedro Emanuel quando já não tinha condições de disputar a bola.
2 erros contra o Porto, 1 a favor, passa o Factor de Colo para 8/14, sem alteração da Colossificação.

11 Apitos:

Anonymous Anónimo disse...

É pena de facto não contares os fora de jogo como erros grosseiros. Cada vez mais é esta a tactica dos bandeirinhas nos jogos do SLB, inventam-se foras de jogo a todas as jogadas rápidas do ataque do SLB, e faz-se vista grossa a todos os fora de jogo dos adversários.

4:23 da tarde, dezembro 24, 2005  
Blogger Cromo Jornalístico disse...

jbs - teoria da conspiração?

quartoarbitro - discordo do lance do Nuno Gomes. A pergunta que ponho é: se o braço não foi preciso para dominar a bola, para quê aquele movimento? Se não fosse necessário, tinha dominado com o braço longe do corpo. Acho que constitui um prolongamento do corpo com a acção dos braços...

6:51 da tarde, dezembro 24, 2005  
Anonymous Anónimo disse...

cromo - não, mas 30 anos de rebuçados, café com leite e frutas tornam qualquer um desconfiado quando há sempre o mesmo tipo de erros para o mesmo lado...
E essa do braço do Nuno Gomes já cheira mal - até o jornal dos oliveiras admitiu por unanimidade que era golo limpo.

9:09 da manhã, dezembro 25, 2005  
Blogger quartoarbitro disse...

caro jbs, como foi estabelecido nos critérios do blogue, os foras de jogo mal assinalados só são considerados erros caso a jogada seja anulada já depois da bola entrar. Também são considerados erros os golos marcados em fora de jogo, por mínimo que seja, desde que as imagens o provem. Os restantes foras de jogo não são considerados erros uma vez que são dos lances mais difíceis para análise da equipa de arbitragem. Ao longo destas jornadas já todas as equipas terão sido beneficiadas e prejudicadas por foras de jogo mal assinalados que poderiam dar golo.

caro cromo jornalístico, relativamente ao lance do Nuno Gomes, no grupo de pessoas (adeptas dos 3 grandes) a quem coloco os lances em discussão, não houve uma única opinião de que a bola teria sido jogada com o braço, tal como no tribunal d'O Jogo (que não é por nós visto como o supra-sumo da verdade, serve somente como orientação)

12:08 da manhã, dezembro 26, 2005  
Anonymous Anónimo disse...

JBS: Não te esqueças, por exemplo, o jogo do Benfica contra o Belém: O Romeu ia isoladíssimo contra o Nereu e o árbitro apitou (muito mal) fora de jogo e aqui não foi considerado erro porque não houve remate nem golo. Eu também acho que os foras de jogo do Miccoli e o do Romeu deveriam ser aqui considerados erros (vide os meus comentários anteriores) , mas são as regras... Se forem assim do princípio ao fim já não é mau.

10:02 da manhã, dezembro 26, 2005  
Blogger Pedro disse...

É impossivel fazer aquele movimento com o peito sem q o braço se mexa. Dizer o contrário prova q nunca jogaram futebol...enfim.
Evidente qfazer o movimento e o braço mexer não significa q a bola bata no braço, tal como as imagens CLARAMENTE mostram.
Golo limpo.

Não concordo com a análise do lance do Micolli. Acho q se devia considerar golo mal anulado e não fora de jogo mal assinalado...mas adiante.

12:30 da tarde, dezembro 26, 2005  
Blogger n_sardas disse...

milagre... finalmente um jogador que devia ter levado vermelho depois de entrar a matar sobre o joão moutinho!!!!!!

3:05 da tarde, dezembro 26, 2005  
Blogger vaiserumlucho disse...

Boas! Espero que todos tenham tido uma boa consoada, pese o facto de a alguns, custar de caralho a engolir que
SOMOS NÓS SOMOS NÓS OS CAMPEÕES DE INVERNO SOMOS NÓS!!
e com Colossificação 0...
Saudações Azuis e Brancas,

5:14 da tarde, dezembro 26, 2005  
Anonymous Anónimo disse...

vaiserumlicho, pois são voçês os campeões de inverno e com Colossificação 0, agora faz as correcções das colossificações dos outros e vê se ainda continuas a ser...
Roubar a nosso favor ou contra os adversários directos, o efeito é o mesmo...

6:39 da tarde, dezembro 26, 2005  
Anonymous Anónimo disse...

Cheguei a achar interessante este blog, mas a partir do momento em que uma falta perigosa passível de cartão vermelho (ou não) em cima dos 90 minutos num jogo decidido e na área oposta à do infractor vale mais que 5 foras de jogo escandalosamente mal assinalados (e só me estou a referir ao último jogo do Benfica) sendo que 1 deu golo, então este blog perdeu toda a credibilidade.
Fiquem bem.

2:12 da tarde, dezembro 28, 2005  
Anonymous Anónimo disse...

coelhinho, vê as respostas ao meu post. Infelizmente os fora de jogo não são contabilizados, mas isso é política assumida deste blog. Também acho que se fossem, os indíces de colossificação ainda seriam mais negativos para o SLB comparativamente com os outros dois, mas não contam. São assim as regras do blog e são iguais para todos.

3:24 da tarde, dezembro 28, 2005  

Publicar um comentário

<< Home